site de poesias coligidas de
F E R N A N D O   P E S S O A
http://www.fpessoa.com.ar

<<Voltar-Volver>>


Dobre
Peguei no meu coração
E pu-lo na minha mão

Olhei-o como quem olha
Grãos de areia ou uma folha.

Olhei-o pávido e absorto
Como quem sabe estar morto;

Com a alma só comovida
Do sonho e pouco da vida.
Tomé mi corazón
Y lo puse en mi mano

Lo miré como quien mira
Granos de arena o una hoja.

Lo miré pávido y absorto
Como quien sabe estar muerto;

Con el alma sólo conmovida
De sueño y un poco de la vida.

Fernando Pessoa
1913

©2004-10-31 by Sebastián Santisi, all rights reserved.


<<Voltar-Volver>>