site de poesias coligidas de
F E R N A N D O   P E S S O A
http://www.fpessoa.com.ar

<<Voltar-Volver>>


Uma Asa Do Grifo (D. João O Segundo)
Braços cruzados, fita além do mar.
Parece em promontório uma alta serra--
O limite da terra a dominar
O mar que possa haver além da terra.

Seu formidavel vulto solitário
Enche de estar presente o mar e o céu
E parece temer o mundo vário
Que ele abra os braços e lhe rasgue o véu.
Brazos cruzados, mira más allá del mar.
Parece en promontorio una alta sierra--
El limite de la tierra a dominar
El mar que pueda haber más allá de la tierra.

Su formidable bulto solitario
Llena de estar presente el mar y el cielo
Y parece temer el mundo inquieto
Que él abra los brazos y le rasgue el velo.
Mensagem
Fernando Pessoa

©2004-11-26 by Sebastián Santisi, all rights reserved.


<<Voltar-Volver>>